Uncategorized VIAGENS | TRAVELS

Rio de Janeiro, uma cidade maravilhosa e fotogénica! ! Rio de Janeiro, a marvelous and photogenic city! Brasil

rj55

English after the Portuguese!

Eu sou uma fã do Brasil. Talvez por falarmos a mesma língua e por eu me sentir em casa e por isso completamente à vontade.

Muitos sentem medo de visitar o Brasil o que eu compreendo, muitas vezes as noticias que nos chegam não são as melhores. Ainda assim é um sorriso que encontro, boa disposição e muito boa gente.

E hoje, é precisamente sobre o Rio do Janeiro que vos vou falar. Uma cidade maravilhosa e fotogénica e a única no mundo – das que eu conheço – em que encontro uma simbiose perfeita entre uma grande cidade e a natureza.

Rio de Janeiro que também é o maior destino turístico internacional no Brasil, da América Latina e de todo o Hemisfério Sul.

rj61

E porque será?

Lindas Praias, Samba, Chopp (cerveja de pressão), Água de Coco e Caipirinhas. Só que o Rio de Janeiro não é só isso.  E eu vou falar-vos do que podemos visitar no Rio, e a verdade, é que tem muito mais para oferecer.

E eu podia escolher entre as zonas de Copacabana e Ipanema e eu escolhi Ipanema! Que me desculpem as gentes de Copacabana, fica para a próxima!

 

Passear no calçadão, paredão para os portugueses que nos leva de Ipanema até Copacabana, passando pelo Parque Garota de Ipanema é um “must do”. E se escolhermos bem a altura do dia, que é como quem diz, fazer esse passeio ao pôr do sol com uma paragem na Pedra do Arpoador tendo o morro dos 2 Irmãos como cenário de fundo é épico e deslumbrante!

A Pedra do Arpoador, fica colado ao Parque Garota de Ipanema e encontram o assento perfeito para assistirem ao espectáculo, grátis e mundialmente conhecido e que dá pelo nome de Pôr do Sol.

 

Catedral do Rio de Janeiro ou Catedral Metropolitana de S. Sebastião. E como eu gosto desta catedral e da sua forma cónica que remonta ao ano de 1976. Construída em betão à vista e com uns magníficos vitrais. 8.000 m2 de área, com uma capacidade para receber 20.000 pessoas em pé ou 5.000 sentadas.Teve como inspiração a pirâmide que os Maias construíram na Península Yucatan no México (Chitzen Itza perto da Riviera Maia) quadrada e larga e que estreita enquanto sobe, só que esta é de forma circular e cónica cujo significado é a igualdade de distância e proximidade das pessoas com Deus.


E falando de outra “catedral” falo no famoso templo do futebol brasileiro, e um Ícone para milhões de brasileiros.

Porque não uma visita ao estádio do Maracaná? Podem andar pelas bancadas, vestiários e até por uma parte do campo. Está preparado para receber visitantes. tudo está limpo e organizado. E não nos podemos esquecer que foi o palco do milésimo golo do Pelé. (Assistir a um jogo naquele que já foi considerado o maior estádio do mundo deve ser incrível!)

 

Pão de Açúcar. Há quem diga que o seu nome é devido ao formato cónico quando da “fabricação” do açúcar na época colonial. A certeza da origem do nome, não posso garantir. O que eu posso garantir é que ao estarmos 395 metros acima do nível do mar oferece-nos uma vista panorâmica fantástica do Rio de Janeiro e de Niterói.

Apanhamos o bondinho, teleférico para os portugueses, no Bairro da Urca que nos leva até ao topo em dois troços. O bondinho inaugurado em 1912, foi o primeiro no país e o terceiro no mundo.

Continuando à procura de vistas panorâmicas maravilhosas. o Cristo Redentor, Património da Humanidade, situado no topo do Morro do Corcovado (Alto da Boa vista) e a 709 metros acima do nível do mar no Parque Nacional da Tijuca. E o meu conselho é que comecem o vosso passeio no Rio precisamente pelo Cristo Redentor. O miradouro oferece uma vista privilegiada da cidade e conseguem perceber bem o Rio de Janeiro enquanto cidade com a tal simbiose que vos falei com a natureza. O Cristo mede 30 metros e foi inaugurado em 1931. É o símbolo do Cristianismo Brasileiro e também considerado o maior símbolo da América Latina.

O Cristo Redentor e o Morro do Pão de Açúcar são as principais referências turísticas internacionais da cidade do Rio de Janeiro.

Lapa, bairro boémio e animado com pubs e restaurantes com as Escadarias Selarón e o Aqueduto da Carioca, também conhecido pelos Arcos da Lapa. Maior obra arquitectónica do Brasil na época colonial.

lapa (2)

E antes de continuar vou perguntar o porquê de chamarem aos habitantes do Rio de Janeiro de CARIOCAS?

Porque o rio de água potável que passava no Rio de Janeiro, precisamente pelo Aqueduto da Carioca eram águas do Rio Carioca e quem dessa água bebia era então um Carioca!

Escadarias Selarón, a obsessão do artista chileno, pintor e ceramista Jorge Selarón, que vivia no cimo das escadas. Começou a arranjar os degraus em frente da sua casa e acabou por arranjar/decorar toda a escadaria. 215 degraus com 125 metros de comprimento. 2.000 azulejos recolhidos em 60 países. Cerca de 300 azulejos são pintados à mão pelo próprio Selarón. A obsessão de Selarón era tal que ele dizia;  

                             “Este sonho louco é único e só vai acabar no dia da minha morte.”

Foi o que aconteceu. Selarón foi encontrado morto (carbonizado) em 2013 precisamente na escadaria que leva o seu nome!

Quanto à alimentação. A seguir a Portugal é no Brasil que eu como melhor. Gosto bastante de comida brasileira, tanto como gosto muito de comida de rua (street food) e por isso gostei muito de comer tapioca e salgadinhos na rua e feitos na altura à nossa frente. Arroz e feijão sempre que possível! Feijoada à Brasileira e Moqueca de Peixe também!

No entanto, quem tiver curiosidade e gostar de música brasileira, em Ipanema, na rua Vinicius de Moraes, uma zona com bastantes restaurantes, onde eu vou destacar um restaurante que dá pelo nome de “Garota de Ipanema”. Precisamente porque foi neste restaurante/bar que Vinicius de Moraes e Tom Jobim compuseram a famosa música “Garota de Ipanema”. O dono é português, já com sotaque brasileiro igual aos anos que vive no Brasil e eu garanto, que animação e boa disposição aliada a uma boa refeição não vai faltar num ambiente que se quer descontraído. 

Deixo os links de mais duas viagens que fiz dentro do Brasil. Qualquer uma delas eu aconselho, mas uma, está no topo do topo das minhas melhores e mais gratificantes viagens. Foi a que me levou até à Selva Amazónica!

https://travelfeedback.site/?s=amaz%C3%B3nia

E o outro é a Jericoacoara no Ceará para quem pensa no Brasil como destino de praia. Também muito bom!

https://travelfeedback.site/?s=jericoacoara
Boas viagens!!!


 

I’m a fan of Brazil. Maybe because I speak the local language, and that makes me feel at home and completely at ease. Many are afraid to visit it, which I understand – often the news that reach us aren’t the best. But despite that, what I see when I get there is a smile, good mood and very friendly people.

And today it’s precisely about Rio de Janeiro that I’m going to write about. A marvelous and photogenic city, as well as the only one in the world – as far as I know – where we find a perfect symbiosis between the city and nature. Rio de Janeiro, is also the largest international destination for tourists in Brazil, Latin America and in the entire Southern Hemisphere – which is amazing. And why is that?

Beautiful beaches, Samba, Chopp (a type of draft beer) and Caipirinhas, and while these are fantastic reasons to visit, Rio de Janeiro has even more to offer. I will tell you what you can visit in Rio.

rj61

I could choose between the areas of Copacabana Ipanema. As such I chose to stay in Ipanema (for which I apologize to the people of Copacabana, perhaps next time!).

 

Strolling through the boardwalk (or ‘calçadão’) that takes us from Ipanema to Copacabana, and passing through the ‘Parque Garota de Ipanema’ are a must do. And if possible take this walk during sunset, and stop at ‘Pedra do Arpoador’, from here you will the Two Brothers Hill in the background – at this time of the day this scenery is epic and stunning. The ‘Pedra do Arpoador’, adjacent to the ‘Parque Garota de Ipanema’, is the perfect seat to watch this worldwide known free show. The SUNSET!!!

 

I fell in love with the Rio de Janeiro Cathedral (or Metropolitan Cathedral of S. Sebastião) and its conical shape. Dating back to 1976, it was built in concrete (which was not covered) and completed with magnificent stained glass. With 8,000 square meters of area, it has the capacity to host 20,000 people standing (or 5,000 seated). It was inspired by the pyramid built by the Mayans on the Yucatan Peninsula in Mexico (the ‘Chichén Itzá’ near the Riviera Maya) – a squared and wide structure at its bottom, narrowing as it rises. However, the Rio de Janeiro Cathedral was designed in a circular and conical shape to represent an equality of proximity between all people and God.

 

There is an additional religious institution that you have to absolutely visit, and of course I’m speaking of the famous temple of Brazilian football, an icon for millions of Brazilians. Why not visit the Maracanã Stadium? You can walk through the benches, changing rooms and even a section of the field. It is prepared to receive visitors, with everything clean and organized. It’s so iconic because of events such Pelé’s one thousandth goal. (To watch a football match in what was once considered the greatest stadium in the world must be incredible!)

‘Morro do Pão de Açucar’ (or Sugarloaf Mountain in English), has, according to popular culture, this name due to the molds used to transport sugar in colonial times. According to historians this mold had the same shape as the peak. I can’t guarantee with certainty that this is the real origin of the name. However, what I can guarantee is that at 395 meters above sea level we have a fantastic panoramic view of Rio de Janeiro and Niterói. To go up the peak you can take the cable car (which the Brazilian people call “Bondinho”) that leaves from the neighborhood of Urca. The cable car opened in 1912, being the first in the country and the third in the world.

 

Continuing looking for wonderful sights, we have ‘O Cristo Redentor’  (Christ the Redeemer in English). A World Heritage Site located at the top of Corcovado hill, at 709 meters above sea level, in the Tijuca National Park. My advice is to start your walk around Rio right here, as the viewpoint offers a privileged view of the city and you can observe the symbiosis between the city and nature that I wrote about earlier in the blogpost. The Christ measures 30 meters in height, and was inaugurated in 1931. It is a symbol of Brazilian Christianity and it’s also considered the greatest symbol of Latin America.

The Christ the Redeemer  and the Sugarloaf Mountain are the main touristic references of the city.

 

Lapa, is a bohemian and lively neighborhood with pubs, restaurants, the Selaron Steps, and the Carioca Aqueduct – also known as the ‘Arcos da Lapa’, it was largest architectural work in Brazil during colonial times.

lapa (2)

Before I go on, I’ll ask you if you know why they call the inhabitants of Rio de Janeiro CARIOCAS?

Because of the consumption of water from the Carioca River that passed through the city, more precisely by the Carioca Aqueduct. And thus, those who drank the water were Cariocas’.

The Escadaria Selarón (also known as the ‘Selaron Steps’), was the obsession of the Chilean artist, painter and ceramist Jorge Selarón, who lived at the top of the stairs. He began by decorating the steps immediately in front of his house, but ended up adorning the entire staircase. 215 steps, 125 meters in length and 2,000 tiles collected from 60 different countries. About 300 of those tiles are hand painted by Selarón himself. Selarón’s obsession was such that he said:

                     “This crazy dream is unique and will only end on the day of my death.”

And that’s what happened. Selarón was found dead on the staircase that bears his name, in 2013.

 

Let’s talk about food! Next to Portugal I find that Brazil is the place where I eat best. And as I really like street food, I enjoyed eating tapioca and other savoury snacks prepared right in front of us. Rice and beans whenever possible! Feijoada à Brasileira and Fish Stew also.

For whoever is curious, in the Vinicius de Moraes street (Ipanema), an area with many restaurants, there is a specific restaurant named “Garota de Ipanema”. It has this name because it was here that Vinicius de Morae and Tom Jobim composed the famous song “Garota de Ipanema”. The owner is Portuguese, with a Brazilian accent after years of living in Brazil, and I guarantee that animation and good mood allied with a good meal will always be present in this relaxed atmosphere.

 

I leave the links to two more trips within Brazil that I wrote about. I suggest going to all of these place, but one is at the top of the best and most rewarding travels I had the privilege to experience, the Amazon Jungle..

https://travelfeedback.site/?s=amaz%C3%B3nia

And the other is Jericoacoara in the Ceará (for those who think of Brazil as a beach destination), which incredible as well!

https://travelfeedback.site/?s=jericoacoara

Good travels!!!

 

3 comentários

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s